Invest in the Countryside of Portugal

o portal da ruralidade contemporânea

Sabugal território interior e ibérico

O Sabugal desafia-o a uma dança de sentidos. A natureza aqui é deslumbrante, delicada e frágil como agreste e poderosa. As rochas que irrompem e se acomodam na paisagem, a água abundante que corre e se acalma, as árvores que se avolumam em florestas e corredores naturais, os animais irrequietos, os pássaros exóticos, na serra, no vale, nas encostas vivem um equilíbrio que emociona. As construções edificadas ao longo dos séculos, como o único castelo de cinco quinas, que se destaca no ponto mais elevado da sede do concelho, as lutas travadas, os sinais dos povos que partiram, que chegaram, que ficaram, a cultura, a gastronomia, as vestes, as emoções e a raça construíram um território único, tantas vezes desconhecido.

O concelho do Sabugal tem uma dimensão considerável (827 Km2), com excelente posicionamento geoestratégico na Península Ibérica, junto à principal fronteira terreste do país, com multifuncionalidade incomparável, com uma ruralidade única e preparado para acolher iniciativas em torno das novas tendências de trabalho. É um concelho que balança entre a ruralidade e a modernidade, entre as tradições e as inovações tecnológicas. Entre a natureza e o aproveitamento hídrico, ecológico e energético que ela proporciona. É um concelho preparado para os desafios. Servido de uma rede viária de primeira linha, que facilita a rápida ligação às cidades próximas, ao litoral ou a Espanha é, ao mesmo tempo, um território profundamente marcado pelo anterior isolamento, o que permitiu preservar tradições, património e natureza.

Atualmente focado na criação de um novo polo de dinâmica económica: a albufeira do Sabugal, o seu plano de água e envolvente, tirando partido das possibilidades que o Plano de Ordenamento da Albufeira permite, está focado em desenvolver o turismo ativo. Em termos económicos aposta também na capacidade de produção pecuária, aproveitando algumas respostas instaladas e coordenando-as com outras em falta. A produção de frutos secos de média montanha, como a castanha, a noz e a avelã é outra das apostas do concelho.

Vale a pena descobrir a imensa obra natural, humana, edificada e lendária do concelho do Sabugal.